Educação Permanente é meu lugar!

Esta semana tivemos mais uma mostra estadual: na segunda-feira, dia 23/10,  a Saúde É Meu Lugar foi a São Paulo e conheceu a charmosíssima Campos do Jordão, com seu clima de montanha e sua arquitetura alemã 🙂

Olha que graça o hotel onde aconteceu a mostra!

A mostra aconteceu junto com um seminário de Educação Permanente em Saúde que reuniu o pessoal que atua na regional de Taubaté. E, com esse evento, ficou ainda mais claro que a Educação Permanente e o Saúde É Meu Lugar têm tudo a ver: o coordenador do nosso projeto, Caco Xavier, esteve por lá e ficou encantado com a quantidade de histórias de EPS que eram protagonizadas ou apresentadas por trabalhadores das equipes de saúde da família, dos territórios – inclusive pelos agentes comunitários de saúde, com sua atuação forte junto às comunidades. Aliás, várias pessoas ficaram de mandar essas histórias pra gente. Estamos ansiosos!

Nossa apresentação <3

As atividades duraram o dia inteiro e, além da mostra Saúde É Meu Lugar e da exposição de trabalhos realizados em alguns municípios da regional, teve também algumas apresentações culturais.

Rolou até balé!

O Caco fez uma fala para o pessoal conhecer melhor o nosso projeto, e a Rosa Souza, coordenadora da RedEscola, falou dos resultados de uma pesquisa sobre como a Educação Permanente em Saúde é apropriada pelas escolas que fazem parte da Rede.

Caco dá uma ideia de como foi o clima por lá: “Teve um grupo de teatro de Campos do Jordão, formado por ACS e outros membros de equipes de saúde da família, teve grupos de palhaçaria, paródias de músicas com temas da saúde, teve muita música, muito abraço… Foi um ambiente bem lúdico”.

A palhaçaria sempre com a gente 😀

Tudo isso só rolou por causa do esforço do Antonio Carlos Machado, responsável pelo núcleo de Educação Permanente do Cefor-Vila Mariana-SP e, e da Sandra Maria, diretora da regional de saúde de Taubaté, que organizaram tudo. “Nossa ideia era mostrar os trabalhos de EPS realizados aqui na regional: vimos um trabalho educativo de Jacareí, um trabalho alegre de São Sebastião, um trabalho nutricional de Taubaté, o pessoal de São José organizando sua unidade básica de saúde, os trabalhos comunitários de Campos de Jordão… E a presença de vocês proporcionou pra gente essa discussão de que saúde é o meu lugar. Estamos muito felizes porque conseguimos reunir pessoas que reconhecem, no SUS, um sistema que é do povo brasileiro e que precisa ser fortalecido”, disse o Antonio Carlos, no fim do dia.

Ó a cantoria!

E você, quer levar nossa mostra pro seu estado? Fala com a gente!

Quer contar sua história? Clica aqui e manda ver 🙂

Até mais!

Site Footer

Sliding Sidebar

Últimas Atualizações

Últimas do Instagram

Nossos Canais